Nota 10!

Não. Não conheço a constituição a nível que deveria mesmo porque creio que poucos a conhecem a fundo ou a ponto de discernir o suficiente para traçar opiniões abalizadas sobre o que ocorre diuturnamente neste país onde os valores são extremamente questionáveis mas sim ,os deveres do estado, profundamente desrespeitados.

Olho para o ” calhamaço” de artigos, incisos e sei lá mais o que e até ouso dizer que foi assim promulgada “em festa” pós a tal ditadura com tantos poréns, emendas , vielas, ruelas, tangentes e é tão enorme para levar a confusão a um povo ou ao pivô ou ” insumo ” da vez.

Sequer ouso comparar e não o faço a outros países que têm 200 artigos e sequer sei se assim seja o nome justamente para os ” cruentos” e insaciáveis políticos que há décadas a usam em benefício de seu bolso e o afrodisíaco poder .

Pode, alguém ( novamente) unir dois neurônios explicar um estado e a cidade maravilhosa deixada ao poder paralelo dos marginais nos dois primeiros dias de carnaval e no último, depois das cenas ” devidamente” expostas pelo canal de TV dito mais visto, o executivo unir o governador que foi para o interior e as autoridades ligadas à segurança nacional declarar a tal intervenção dando assim ao executivo (segundo um inciso sei lá o que ” poderes” para aprovar o que quiser e ousar)?

Isto não é uma DITADURA? O exército segundo parcas informações foi pego ” de surpresa”. Aliás o que se tornou “surpresa” aqui?

A alma de um povo ( o cônscio ) lavada ( me poupem) por escolas de samba que em suas entranhas têm o poder paralelo inerente a elas. Não foram a rua , não vão . Muito incômodo. A cerveja, o BBB e novelas são mais confortáveis de preferência com os filhos , esposa e maridos com o futuro de doença cervical mergulhados nos celulares e outros que tragam a felicidade das redes sociais e a disputa por ” likes” . Mas aplaudem * pelo menos isto* a escola que em 90 ou serão 80 minutos? os fazem ver seu realismo . Daí em diante querer o que? Deixar aos economistas, colunistas, formadores de opinião com milhões de seguidores ou não serem entrevistados e falarem o que gostaríamos ou não? de dizer .

Esqueci dos 14 ( quatorze) milhões de likes em surubinha de leve destes Mc da vez.

O governador disse que ” não dimensionou ” o suficiente seu aparato e preparo para a segurança em uma festa popular que , infelizmente, é retratado como o símbolo do povo mais feliz do mundo.

O prefeito se mandou para o inverno europeu em “busca de soluções” para a segurança do Rio de Janeiro e devidamente desmentido , lógico, pela agência que visitou. Em suma um enredo melhor que de muitas escolas de samba. Uma trama de vilões piores que traficantes ,usuários , aviõezinhos sei lá mais o que de comunidades.

Vejam bem : não que a população de muitos cariocas não mereça . Torço muito pelo seus direitos mais que básicos qual seja sua segurança. Que ela lhes dê o que há muito não têm: a paz. O custo está em ser e estar em paz e ver instituições sonegarem os tributos e a tal reforma ser aprovada nem sei por qual AI e se verem ou a seus filhos dependentes de uma vida toda a terem suas aposentadorias reconhecidas e pagas. Isto sendo, pasmem , o mínimo. Fora o poder imediato de ” parar” tudo que incomode ao estado atual e seus ” dignatários” fazendo quem sabe uma ” surubinha” de leve nas leis , PF com o já conhecido conluio do tal supremo ( supremo!).

O ministro da justiça afirmou ao Brasil de então que a criminalidade do Rio estava ligada aos ” altos” escalões das autoridades. Houve uma revolta das autoridades . Nada mais disse . Aliás parece desempenhar a decoração do escalão porque também não desdisse . Também não se reuniu com o presidente para responder perguntas feitas a ele pela PF . O fantoche do highlander do Sarney o fez.

E sem querer as entranhas podres da escola campeã me parece uma alma já em seu purgatório perante as entranhas deste status quo atual deste país .

E saber que a felicidade é presente na Dinamarca onde o enredo de uma possível escola de samba seria: “educação e a saúde” que os levou ao primeiro lugar de qualidade de vida no planeta ou na Sapucaí teriam a nota 10 em todos os quesitos que por motivos de ganância são desconhecidos da arquibancada e da torcida presentes no sambódromo .

É , vivamos então de alegorias, fantasias, mestre sala e porta bandeira e os demais quesitos importantes e imprescindíveis ao país que nos tem

Sou muito ignorante em questão de direitos. Burra até . Imbecil então nem se fale.

Autor: betaniasemh

Professora universitária pela UERJ e médica do Hospital Federal Cardoso Fontes/ Rio de Janeiro duração : 35 anos aposentada 65 anos. Solteira, sem filhos. Viagens, arte, música e escrever são minhas predileções atuais não deixando de forma alguma a medicina agora como um fator de ajuda a necessitados. A paixão por escrever sobre os mais variados assuntos me moveu até aqui.( Ler é vestir a alma, escrever é despi-la) Resido atualmente na região serrana do estado do Espírito Santo na cidade de Santa Teresa colonização italiana e alemã.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s